Amor sem preconceitos: o direito do casamento às pessoas com necessidades especiais

Atualizado: 28 de Jun de 2019


Casa Colonial - Foto com familía

Casal portador de deficiências mentais se casa na Casa  Colonial, Luís Octávio de 38 anos nasceu com síndrome de Down, mas a sua condição nunca foi tratada como um empecilho. Luís trabalha com informática no Grupo GAIA há alguns anos, é ator, sabe andar à cavalo, tocar bateria e violão, e no próximo sábado, 15, realizará a sua cerimônia de casamento com Ana Beatriz Dias, de 27 anos, portadora de uma síndrome não identificada.



A história de Luís Octávio e Ana Beatriz começou ainda na infância, quando os dois realizavam aulas de natação juntos. O tempo passou e seus caminhos se separaram. Foi no ano de 2017 que Luís e Ana Beatriz voltaram a se encontrar.


Em uma festa do  grupo de apoio fundado pelas irmãs de Luís, Vamos Juntos Lazer, criado para proporcionar lazer e inclusão social, retomaram o contato e o interesse mútuo foi instantâneo.



É incomum encontrar familiares que incentivam  instituições, como o casamento, para adultos que são portadores de algum tipo de deficiência, o próprio dono da casa de eventos que sediará a cerimônia, Ricardo Yoshikawa, mostrou-se empolgado com a realização do evento: “É a primeira vez em 50 anos de Colonial que temos um casamento assim”.


Não para menos, a cerimônia que inicialmente estava cotada para atender 180 convidados, agora espera 320 pessoas ansiosas para ver o desfecho da história, “A cerimônia estará muito lotada, as pessoas estão demonstrando muito interesse no casamento deles, a solução que encontramos para receber tantos convidados foi colocar a mesa de doces para o lado de fora”, revela Eliana, mãe de Luís Octávio.


Segundo Eliana, todo o evento será realizado no formato dos casamentos convencionais, a única ressalva é quanto à proibição de servirem bebidas alcoólicas para convidados que também possuem síndrome de Down, já que eles não estarão acompanhados, “Nós escolhermos o Colonial justamente porque ele nos abraçou, foi muito acolhedor e nos tratam como família”.


Buffet Colonial - Foto do Casal

Para as famílias dos noivos a cerimônia é muito bem vinda. Eliana, que é bióloga especializada em genética humana, ressalta a importância de pais de adultos portadores de deficiências mentais não infantilizarem os filhos, mas sim investirem nos relacionamentos pessoais tanto quanto nos profissionais, “Precisamos mostrar para eles que possuem essa autoconfiança”, comenta.


Eliana explica que o relacionamento entre Luís e Ana Beatriz sempre foi encorajado pela família, ao mesmo tempo que conduzido devidamente pelos auxílios que fossem necessários, como, por exemplo, acompanhamento psicológico para ensinar como ter uma vida íntima, “Eles foram preparados para a convivência como casal, vimos, primeiramente se eles se dariam bem, mas eles terão direito a tudo.


Eles irão ter uma Lua de Mel, por exemplo, não é porque eles não podem ir sozinhos que eles não devem ter”, afirma Eliana.


Depoimento da Mãe do Noivo Sra Eliana:


Depoimento mãe do noivo, casamento, buffet colonial

" Há alguns bons anos, vocês ofereceram uma linda festa para ajudar nossa escola para pessoas com síndrome de down.

Hoje, nosso filho Down casou-se aqui.


Somos muito gratos. Tudo foi perfeito. Todos os convidados se referiram ao evento como o mais emocionante de suas vidas.

Muito obrigada!

Essa casa é diferenciada!

Parabéns! "


buffet colonial - Sra Eliana


Sobre O Colonial

Localizado no coração de São Paulo, no bairro de Moema, a Casa Colonial foi fundada originalmente em 1925 na região de Osaka, Japão pela bisavó do atual diretor do espaço, Ricardo Yoshikawa.


Em meio à Guerra e com seu marido em combate, Ywano, utilizou dos suprimentos que detinha para fundar um restaurante, este que acabou por se tornar uma espécie de hotel, pouco a pouco passou a sediar alguns eventos.


Durante a guerra o local foi completamente destruído, após sua reconstrução foi reerguido com o objetivo principal de recepcionar eventos. Em 1975 foram convidados a vir para o Brasil e desde então a Casa Colonial se tornou um dos maiores espaços para eventos da capital paulista.

Buffet para Casamentos, Buffet para Debutantes, Serviço de Coffee Break, Espaço de eventos para palestras, São Paulo, Moema

(11) 2879-2255

Al Maracatins 62 Moema São Paulo

buffet, colonial, espaço, festas, eventos, clássico, contemporâneo, deslumbrante, versátil, sociais, corporativos, lindas, celebrações, casamentos, baile de debutantes, 15 anos, 1968, Moema, zona sul, são paulo, buffet, colonial, espaço, festas, eventos, clássico, contemporâneo, deslumbrante, versátil, sociais, corporativos, lindas, celebrações, casamentos, baile de debutantes, 15 anos, 1968, Moema, zona sul, são paulo, buffet, colonial, espaço, festas, eventos, clássico, contemporâneo, deslumbrante, versátil, sociais, corporativos, lindas, celebrações, casamentos, baile de debutantes, 15 anos, 1968, Moema, zona sul, são paulobuffet, colonial, espaço, festas, eventos, clássico, contemporâneo, deslumbrante, versátil, sociais, corporativos, lindas, celebrações, casamentos, baile de debutantes, 15 anos, 1968, Moema, zona sul, são paulo, buffet, colonial, espaço, festas, eventos, clássico, contemporâneo, deslumbrante, versátil, sociais, corporativos, lindas, celebrações, casamentos, baile de debutantes, 15 anos, 1968, Moema, zona sul, são paulo, buffet, colonial, espaço, festas, eventos, clássico, contemporâneo, deslumbrante, versátil, sociais, s, celeumbrante, versátil, sociais, corporativos, lindas, celebrações, casamentos, baile de debutantes, 15 anos, 1968, Moema, zona sul, são paulo

CNPJ: 60.077.229/0001-56 Entrega de Delivery com programação de até 7 dias